Educadigital é membro do comitê de especialistas da pesquisa realizada anualmente pelo Cetic.br para mensurar o uso das tecnologias digitais por escolas, professores e alunos

 

cetic2016bNos dias 21 e 22 de junho, pesquisadores acadêmicos, gestores governamentais e especialistas da sociedade civil membros do comitê de especialistas das pesquisas Kids Online e TIC Educação estiveram reunidos na sede do Cetic.br para receber os resultados do levantamento realizado em 2015 e que deve ser oficialmente divulgado no segundo semestre, em evento público. As pesquisas vêm sendo implementadas pelo Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), por meio do Centro Regional de Estudos para o Desenvolvimento da Sociedade da Informação (Cetic.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br).

Desde 2010, a TIC Educação busca avaliar a infraestrutura das tecnologias digitais em escolas públicas e privadas de áreas urbanas e a apropriação delas nos processos educacionais por professores e estudantes. Após sete anos, a pesquisa vai passar por uma reformulação no intuito de incorporar novos elementos da cultura digital coerentes com as transformações pela qual a sociedade vem passando nos últimos anos.

A TIC Educação é bastante relevante para a compreensão das tendências do uso pedagógico das TIC nas escolas brasileiras, especialmente para pautar políticas públicas e projetos institucionais na área. “Em todas as edições vemos que mais de 70% dos professores afirmam que aprendem a usar melhor as tecnologias digitais com seus próprios colegas, em espaços informais”, destaca Priscila Gonsales, diretora-executiva do IED e membro do comitê de especialistas. “Precisamos entender que espaços são esses para favorecer a colaboração entre docentes”, ressalta.

Resultados de 2014

A edição mais recente da pesquisa, lançada em 2015, aponta que os professores brasileiros têm interesse em utilizar recursos educacionais digitais, mas nem sempre existem condições de infraestrutura e capacitação para o uso da Internet com propósito pedagógico.  O levantamento foi realizado em 930 escolas no período de setembro de 2014 a março de 2015 e ouviu 930 diretores, 881 coordenadores pedagógicos, 1.770 professores e 9.532 alunos.

 

cetic2016a

Beth Almeida (PUC-SP), Lea Fagundes (UFRGS) e sua orientanda Patrícia Silva, Valente (Unicamp) e Priscila Gonsales (IED)

Para Alexandre Barbosa, gerente do Cetic.br, “embora a infraestrutura de tecnologia de informação e comunicação (TIC) esteja avançando nas escolas brasileiras, o seu uso, bem como a sua apropriação nas práticas pedagógicas, ainda representa um desafio para projetos educacionais e políticas públicas”. De acordo com a TIC Educação 2014, para apenas 30% dos professores de escolas públicas o principal local de uso das TIC é a sala de aula, nas atividades com alunos, indicador estável em relação a 2013.

 

Saiba mais sobre a pesquisa aqui

%d blogueiros gostam disto: